Escolher Piso Vinílico — Evite Esses Erros na Hora de Comprar

Piso Vinílico
Piso Vinílico Evite Esses Erros na Hora de Comprar

O material de PVC é uma ótima opção para quem deseja unir praticidade, estilo e economia na decoração de um ambiente. Na hora de escolher, é importante estar atento para não cometer alguns erros e também conhecer as vantagens do piso vinílico para o ambiente.

Por isso, neste artigo, pontuamos o que é preciso levar em consideração na hora da compra! Confira!

Quais pontos levar em consideração na hora de escolher um piso vinílico?

Na hora de escolher piso vinílico, fazer uma boa escolha é muito importante. Assim, você fica satisfeito com o resultado final e evita retrabalho com a troca do material. 

Desta forma, confira agora os pontos que você deve se atentar para tomar essa decisão.

1. Ambiente

Antes de fazer a compra do seu material, é essencial saber qual ambiente ele irá revestir. Isso porque o piso vinílico pode não ser a opção ideal para todos os lugares.

Áreas externas, por exemplo, sofrem alta exposição a raios solares e chuva. Desse modo, não é recomendado usar esse revestimento.

Por outro lado, ambientes como salas, quartos e corredores podem contar com esse material. No caso de cozinhas residenciais e industriais, é interessante pensar em linhas específicas que aguentam umidade e calor, além de propriedades antiderrapantes.

2. Qualidade de material

Escolher um piso de má procedência apenas por um preço mais atrativo pode acabar gerando um resultado de baixa qualidade e ocasionar um desgaste mais rápido, mesmo tomando cuidado para mantê-lo em boas condições.

Para não errar neste ponto, pesquise entre as lojas, entenda quem são os fornecedores e fique de olho nas avaliações de clientes. 

3. Estilo

Não basta apenas escolher o padrão de vinílico porque achou bonito. O ideal é decidir por aquele que, além de te agradar esteticamente, converse com os demais itens do ambiente que irá decorar. 

Pense da seguinte forma:

  • em quais cômodos o piso será aplicado?;
  • quais as cores das paredes?;
  • há algum estilo de decoração predominante nesse ambiente?

Além disso, para empresas, considere as especificações de padronagem. Instituições de saúde, por exemplo, devem sempre contar com padrões de cores claras e sem muitos detalhes.

4. Detalhes técnicos

Ao efetuar a compra do piso, um dos grandes erros é não estar por dentro de todos os detalhes técnicos. Nesse caso, fique atento a:

  • metragem do ambiente que irá receber o piso;
  • materiais extras que devem ser adquiridos, como cola para piso vinílico, primer e Nivela Rápido (autonivelante);
  • formato das placas, como manta, placa e réguas.

Por isso, tenha todos esses itens anotados! É interessante notar que, se você optar pelo piso de clique, não irá precisar da cola, ok?

5. Apoio de um profissional

Apesar de não estar diretamente relacionado ao momento da compra, este é um ponto que deve ser levado em consideração. 

Para garantir que não haverá falhas na instalação, conte sempre com um profissional especializado para aplicar o revestimento. Assim, você evita retrabalho, além de gastos extras. 

Gostou do artigo e já sabe como escolher piso vinílico? Continue lendo o blog da Plack para mais conteúdos sobre sistemas construtivos!

Voltar ao topo